Jornaleiros!

Roubado daqui.

Bem interessante e a completar alguns dos meus anteriores posts.

Porque, às vezes, também sabe dizer umas coisas sérias… aqui deixo-vos a crónica de hoje do Ricardo Araújo Pereira no jornal A BOLA.

Há coincidências engraçadas. O leitor que siga, se puder, esta extraordinária sequência de acontecimentos:

1 A direcção do Benfica convocou uma assembleia geral para pedir aos sócios que aprovassem a criação do Canal Benfica.

2 O Canal Benfica pretenderá, naturalmente, transmitir os jogos do Benfica.

2 e meio Como é do conhecimento comum, os jogos do Benfica são a única coisa que realmente interessa ver na televisão.

3 O principal prejudicado com a criação do Canal Benfica será a Sport TV, que perde a única coisa que realmente interessa ver na televisão (ver ponto 2 e meio).

4 No dia da assembleia geral, três jornais (Diário de Notícias, O Jogo e Jornal de Notícias) publicaram, em manchete, uma notícia segundo a qual o Benfica iria perder 6 pontos por ordem da FIFA, e arriscaria descer de divisão porque a direcção (a mesma que queria criar o Canal Benfica) teria tido a incompetência de não recorrer de um castigo — e todos sabemos, desde há uns meses, que não recorrer de castigos é sinal de incompetência.

5 Por uma daquelas coincidências incríveis, todos os jornais (Diário de Notícias, O Jogo e Jornal de Notícias) que publicaram a notícia pertencem ao mesmo grupo empresarial que detém a Sport TV (ver, com redobrado interesse, o ponto 3).

6 A notícia, por uma daquelas coincidências incríveis, era falsa.

7 Dos três jornais que deram a notícia (Diário de Notícias, O Jogo e Jornal de Notícias), só um contactou (Diário de Notícias) o Benfica para fazer aquilo a que se chama, em jornalismo, trabalho decente.

8 Tendo o Benfica desmentido, com documentos, a notícia, o jornal em causa (Diário de Notícias) ficou com uma não-notícia em mãos, o que não impediu o jornal de fazer manchete.

9 Por uma daquelas coincidências incríveis, os jornais que não contactaram o Benfica são do Porto.

10 No Jornal de Notícias, os jornalistas (digamos assim) Nuno Amaral e Vítor Santos escreveram: «O Benfica vai perder seis dos 52 pontos conquistados na edição de 2007/08 da Liga portuguesa. O castigo aplicado pela FIFA ao clube da Luz (…) é irreversível.» Não é «poderá perder» ou «está em risco de perder». O que se diz é que a decisão está tomada e é irreversível. Talvez seja bom voltarmos a ver o ponto 6.

3 comentários:

Anónimo disse...

Que tal um chuveirinho de chumbo quente nestes jornaleiros de merda?

Vladimir Kaspov (NãoSeiDaNave) disse...

Lindo!!

Jotas disse...

Pois claro que tinham de ser esses jornais. A questão é simples: O SLB, tem afrontado o todo poderoso do Norte, o tal que ao longo de 2 decadas, tem cometido ilegalidades e crimes a rodos, mas que continua a passear-se impunemente, e quando mais o Benfica atacar o FCP, mais ataques desses orgão de pseudo comunicação dos manos oliveira, o benfica irá sofrer.
Nada que me espante, só estou ansioso que o nosso clube mande a sporttv ás malvas assim que o contrato acabar, vamos ver o que vai acontecer às audiências.
VIVA O SLB