Adeus (parte II) ...

Dizia-me à pouco um amigo, que lhe custava mais a saída de Manuel Fernandes, o que a de Simão.
Vistas bem as coisas até que será verdade para a maioria de nós, por dois motivos, primeiro Simão já deu muito ao Benfica, e era mais ou menos unânime não se cortar as pernas ao jogador se fosse auferir muito mais do que no Benfica, segundo porque Manuel Fernandes se estava a afirmar como a peça fulcral no meio-campo benfiquista e podia ser o grande reforço para esta época.

Quando vi a notícia receei ser um acto de indisciplina que iria gerar novamente a saída em litígio, depois veio a confirmação do Benfica da existência de uma proposta para a compra do jogador.
Menos mal, o Benfica vai encaixar ao que tudo indica 9 Milhões de Euros, podendo reforçar-se com um médio de muito valor por 5 M€ e ainda ter 4 M€ de lucro.
Não sei qual vai ser a estratégia de Luis Filipe Vieira, mas que o Benfica assim precisa de mais um reforço para a linha média não tenho dúvida alguma.


E faltam menos de 24 horas, o nervoso miudinho está cada vez maior ...

4 comentários:

Anónimo disse...

mais um grande que parte,
mais pequeno o meu Benfica
fica...
Parido e borilado no seu seio,
quanto tempo outro para que se possa gritar: Olha um craque EI---LO

Futebol de Ataque disse...

Pedimos desculpa antes de mais por invadir este espaço com uma informação que não tem a ver directamente com o tema do post.

Como neste blog os seus leitores são verdadeiros amantes do futebol, lembrámo-nos de comunicar que no Futebol de Ataque vamos ter a 2ª edição de Palpites para a Liga Bwin, com algo aliciante e que vos pode interessar:

A inscrição custa 25 euros e logo de entrada dá direito a 2 bilhetes para um jogo das primeiras 6 jornadas, à excepção do Porto-Sporting e do Benfica-Sporting. Há certamente alguns jogos fora de casa interessantes para vcs irem ver se quiserem e no fundo a inscrição fica desde logo mais do que paga.

Todas as semanas ainda se pode ganhar bilhetes para a semana seguinte, e no final uma camisola da vossa equipa favorita.

José Sousa disse...

Caro Tó
Para despedida devia ter colocado uma foto do Manel com a camisola do Glorioso.
Saudações desportivas

Kruzes Kanhoto disse...

Situações como esta são inadmissiveis em qualquer organização. Quanto mais em alta competição. Como é que alguém, principescamente pago se pode recusar a uma ordem do seu patrão?! Se pega moda este tipo de atitude para forçar a saída de um clube então é o fim do futebol tal como o conhecemos. E revela o mau profissionalismo do senhor. Ele que vá e não volte!